Como conciliar emprego e o próprio negócio?

Para conseguir uma renda extra muitas pessoas estão dando um jeitinho de fazer algum trabalho a mais nas horas vagas, tal trabalho, muitas vezes acaba se tornando um negócio muito lucrativo. Desse modo, muita gente acaba abrindo a própria empresa, mas por medo de fracassar ou por amar demais o que já fazia, acaba optando por conciliar emprego fixo e o próprio negócio. Quer saber como? Confira nas dicas a seguir:

Prepare a família

É importante preparar a sua família. Não basta apenas avisá-los, é importante prepara-los para aceitar a sua ausência em algumas ocasiões. Tal preparação será fundamental principalmente para os familiares que moram na mesma casa (filhos, marido, esposa), pois esses serão os mais afetados por causa da sua vida que ficará um pouco mais corrida, mas o retorno virá para todos. Para isso, será importante ter disciplina e organização da sua parte e deles também, assim, você poderá contar com eles e vice-versa.

Essa preparação será feita em um sentindo mais organizacional (remanejar as rotinas do dia a dia) e psicológico, ou seja, com muita conversa.

Transforme o tempo no seu aliado

Para conciliar emprego e o próprio negócio será necessário aproveitar cada minuto do seu dia, preguiça, soninho, não poderão mais fazer parte da sua rotina. E é obvio que as horas vagas serão aproveitadas para a realização do seu negócio, mas será importante buscar por mais tempo livre para resolver outras coisas ou simplesmente se dedicar ainda mais.

Uma ótima alternativa para ganhar mais tempo, é utilizar meia hora do seu almoço sempre que puder. Mas atenção: jamais utilize o horário de expediente do emprego fixo para resolver assuntos do seu negócio próprio, ok? Isso não é nada profissional e você ainda corre o risco de ficar desempregado, caso seja descoberto pelos seus superiores.

Trace metas

Para que o seu negócio evolua será importante sempre ter uma meta a ser alcançada. E procure colocar um prazo para atingir as suas metas, um mês, uma semana, um dia, é importante ter um tempo limite. Coisas do tipo: atingir um determinado número de vendas; chegar a 1000 curtidas na página da rede social do seu negócio; marcar uma reunião com alguém relevante; etc. Coloque tudo na sua agenda, assim, nenhuma meta será esquecida e você poderá ir acompanhando tudo.

Contrate um funcionário ou arrume um sócio

Para conciliar o emprego e o próprio negócio, contratar alguém ou ter um sócio para dividir a jornada é uma boa alternativa. Tudo vai depender da demanda de trabalho e do retorno financeiro. Avalie bem essa possibilidade para decidir se vale a pena.

Gostou das dicas? Então continue em nosso blog e leia também: Como revender pelo Whatsapp e aumentar a sua renda?

 

Receba Novidades

Inscreva-se em nossa newsletter