Como limpar folheados da maneira correta? Veja 6 dicas

Quem trabalha com revenda de joias em prata e semijoias folheadas sabe que precisa sempre buscar informações relevantes para melhorar o atendimento que presta aos clientes. Uma orientação bastante importante está em como limpar folheados e dessa forma cuidar e preservar a beleza das peças adquiridas.

Esse cuidado especial, além de deixar a clientela mais satisfeita, ajuda a desenvolver um relacionamento de confiança e respeito entre as partes — algo essencial para que novos negócios aconteçam. Selecionamos hoje seis dicas para ensiná-lo como limpar folheados de maneira correta. Leia o post, informe-se e ofereça um atendimento diferenciado para os clientes!

1. Limpe as peças logo após o uso

Para manter as peças folheadas sempre limpas e com aparência de novas é fundamental limpá-las sempre logo após o uso. Pode ser meio chato ter de fazer esse procedimento toda vez que usar uma semijoia folheada, mas essa é a melhor maneira de evitar que sujeiras e o próprio suor do corpo grudem na peça, e dificultem a limpeza dela em outro momento.

Para simplificar essa etapa, no dia a dia apenas uma flanela limpa e seca é suficiente para retirar as impurezas e garantir o brilho desses acessórios. Depois de feita essa limpeza básica, é importante guardá-los em local apropriado.

2. Guarde os folheados em lugar apropriado

Não é à toa que, quando se compra um artigo folheado, ele geralmente venha em um saquinho de veludo (ou outro tecido de superfície macia) ou em uma caixinha revestida de cetim. Esses materiais são ideais para guardar as peças folheadas, já que não criam atrito com elas e ainda as protegem do calor excessivo e da incidência do ar e da luz.

Portanto, mantenha sempre suas semijoias folheadas guardadas em suas embalagens originais. Além disso, é recomendável deixá-las em local seguro, longe do alcance de crianças e animais domésticos.

3. Invista em produtos de limpeza adequados

Existem muitos métodos para limpar os itens folheados mais profundamente sem causar danos a eles. Uma maneira eficiente de fazer isso é utilizar um pano macio que não solte fiapos, embebido em uma solução de água e detergente neutro.

A limpeza deve ser feita delicadamente e é importante que a peça seja esfregada com cuidado. Em seguida, as semijoias podem ser colocadas para secar ao ar livre sobre um pano seco em um local ventilado.

Vale dizer, ainda, que muitas lojas que vendem folheados enviam com a peça, além da garantia de qualidade, instruções sobre como limpar folheados. Segui-las é a melhor maneira de cuidar adequadamente desses acessórios.

4. Evite o contato com determinadas substâncias

Para garantir a preservação dos artigos folheados, é fundamental evitar que eles tenham contato com substâncias como detergente de lavar louças, produtos de limpeza, perfumes e cremes hidratantes, água em geral (e principalmente as do mar e da piscina). Portanto, não é aconselhável lavar louça, limpar a casa, tomar banho ou ir à praia ou à piscina usando as semijoias.

Uma boa alternativa é deixar para usá-las apenas para sair e colocá-las quando já estiver totalmente pronto — de preferência após esperar o tempo necessário para que o perfume e outros cosméticos (como o fixador de cabelo, por exemplo) evaporem um pouco.

Isso é importante porque os itens de higiene pessoal têm uma composição química que pode não reagir bem quando entrar em contato com as peças folheadas — e isso pode danificá-las de modo permanente.

 5. Duvide de algumas dicas encontradas na internet

A internet está cheia de dicas a respeito de quase tudo. Por esse motivo, a maioria das pessoas recorre a ela em busca das informações mais variadas. Ocorre que nem tudo o que se lê on-line é verdade ou vem de fonte confiável. É importante, portanto, usar o bom senso e a prudência quando decidir considerar as sugestões encontradas.

No caso das semijoias folheadas, muitos sites indicam, por exemplo, que uma boa limpeza das peças requer que elas sejam fervidas em uma mistura de água e sabão neutro. Essa dica é bastante prejudicial para esse tipo de acessório — que não deve ser submetido ao calor excessivo. Se a peça tiver pedras, então, o desastre será completo: o calor pode dilatar o material e a pedra acabar se soltando do local em que está fixada.

Pelo mesmo motivo, as peças folheadas não devem ser secas com o secador de cabelos — é recomendável deixá-las secar naturalmente. Outra sugestão muito comumente encontrada em alguns sites é a que indica que os artigos sejam limpos com pasta de dentes. Isso pode danificar os artigos folheadas de modo irreversível, já que não se trata de um produto específico para uso nesse tipo de objeto.

6. Adote cuidados extras no dia a dia

Muitas pessoas gostam de se enfeitadas com as peças folheadas, mas alguns ambientes não combinam com o uso desses adornos — e podem ser propícios para a ocorrência de danos importantes nas semijoias. É aconselhável, portanto, evitar usá-las na academia, pois a probabilidade de esbarrar nos aparelhos é grande. A consequência pode ser desde um arranhão até a perda total do acessório.

Outra atividade do dia a dia que pode causar danos a esses acessórios é o trabalho manual. As atividades desenvolvidas com as mãos podem ser grandes vilãs, pois as peças podem ser arranhadas ou danificadas enquanto a prática é exercida.

Com as possibilidades de danos ocorrerem em razão de calor excessivo, é essencial evitar deixar as semijoias em ambientes quentes e úmidos, como banheiros, ou no porta-luvas do carro. Outro cuidado extra que deve ser adotado é evitar raspar a parte inferior de pulseiras e anéis na superfície da mesa do escritório ou de restaurantes, para não arranhar os folheados nem comprometer sua vida útil.

Por fim, um cuidado extra que vale a pena ser tomado é evitar ter contato direto com as pedras ao manusear as peças folheadas: isso pode fazê-las se soltarem com facilidade.

Agora que você aprendeu seis dicas sobre como limpar folheados da maneira correta, que tal assinar nossa newsletter e ficar por dentro de todas as nossas novidades?

Total
80
Shares

Receba Novidades

Inscreva-se em nossa newsletter