Cuidar dos filhos; realizar os afazeres domésticos; dedicar-se ao trabalho; construir uma carreira promissora; proporcionar bem-estar e, principalmente, qualidade de vida a todos.

Dominique (@allthatisshe)

Não é apenas com você: essa é uma realidade diária compartilhada por muita gente. Neste sentido, a rotina costuma ser muito corrida e bastante desgastante. Por isso, saber como conciliar trabalho e família se tornou uma questão prioritária.

Pensando nisso, reunimos algumas dicas para ajudar você a manejar suas obrigações diárias, ter mais tempo para os seus filhos e, é claro, descansar e aproveitar a vida. Continue a leitura e confira!

Organize o seu tempo

Para começar, é necessário que você aprenda a organizar um aspecto fundamental do seu cotidiano: o tempo. Ele é fundamental para que você possa se desdobrar entre diferentes atividades, mas parece estar, a cada dia, mais escasso, não é mesmo?

É justamente quando falta essa autodisciplina na sua vida que começam a surgir os atrasos, e a dificuldade em cumprir com obrigações e projetos. Assim, a indisposição e a baixa produtividade se tornam recorrentes e a insatisfação aumenta, por sentir que a vida profissional está se sobrepondo à pessoal.

Para mudar essa situação, tente seguir o passo a passo abaixo:

  1. faça um checklist e coloque todos os seus afazeres do dia em ordem de prioridade para você saber o que é preciso fazer naquele momento e, assim, não adiar ou protelar algo;
  2. monte um cronograma semanal/quinzenal para controlar prazos, entregas, inícios de projetos e outras funções do trabalho, além, é claro, de programas e atividades familiares;
  3. estabeleça quais são os seus objetivos de curto, médio e longo prazo para alcançar a estabilidade desejada em sua carreira.

Não se sobrecarregue

Dominique (@allthatisshe)

À medida que você organiza sua rotina, torna-se mais fácil identificar quais são os afazeres que demandam mais tempo e exigem mais dedicação da sua parte. Pode ser o compromisso com algum cliente, a arrumação do lar, o pagamento das contas ou mesmo o ato de deixar e buscar as crianças na escola.

Funções que, muitas vezes, você acumula sem perceber e, por conta disso, acaba se sobrecarregando no dia a dia. Como resultado, surgem o desgaste físico e o mental, a procrastinação, a incapacidade de lidar com tantas obrigações simultaneamente e a culpa por ter que abrir mão dos poucos momentos de lazer para finalizar o que está pendente.

Por isso, converse com o seu parceiro e, juntos, analisem as atividades corriqueiras que podem ser divididas entre ambos. Esse é um passo muito importante para tirar o peso das suas costas e permitir que tanto um quanto o outro tenham um envolvimento maior com as coisas relacionadas aos filhos e ao lar.

Saiba lidar com a culpa

Dominique (@allthatisshe)

Há pouco, citamos a culpa que é fomentada diariamente por você não conseguir realizar tantas atividades como gostaria devido à sua rotina corrida. Assim, muitas vezes, você é levada a abrir mão de uma coisa ou de outra. É uma apresentação de teatro da escola, uma feira de ciências ou uma mostra de idiomas do curso de inglês que você não pode comparecer.

Logo, essas pequenas ausências se convertem em um sentimento de negligência quanto ao crescimento e desenvolvimento dos seus filhos, por você não poder estar tão presente quanto gostaria. Porém, é fundamental entender a diferença entre omissão e participação balanceada na vida das crianças.

Isto é, não se culpe e não se martirize por não estar onipresente na vida delas. Entenda que, nem sempre, é a quantidade de tempo que importa, mas, sim, a qualidade dele. Por isso, saiba valorizar os momentos com elas e faça-os serem únicos. Para ajudá-la nesse processo, separamos duas dicas bastante úteis a seguir.

Invista nos momentos em família

como conciliar trabalho e familia, divirta-se com sua familia e ganhe dinheiro com revenda de semijoias
Dominique (@allthatisshe)

Pense em atividades que, por mais curtas e pontuais que sejam, proporcionem um momento valioso de união e integração com seu cônjuge e seus filhos. Além disso, mesmo com a rotina de trabalho puxada, elas devem ser extremamente valorizadas e respeitadas.

Para isso, separe, em seu cronograma semanal, um ou mais momentos que todos possam compartilhar. Alguns exemplos são:

  • uma refeição diária (café da manhã, almoço ou jantar);
  • o momento de assistir a um programa de TV, seriado, novela ou filme;
  • a prática de um esporte (caminhada, futebol, vôlei, natação, etc.);
  • um programa de fim de semana (ir ao cinema, acampar, fazer um piquenique, ir à praia, conhecer um novo parque, etc.);
  • a organização de alguma festa ou evento familiar, no qual todos os parentes podem se reunir.

Aproveite as férias

Passe tempo de qualidade com sua familia - Ganhe dinheiro sem sair de casa
Dominique (@allthatisshe)

Além da diversidade de programas que você pode propor à sua família no cotidiano, é essencial que você reconheça o valor das férias. Afinal, elas não representam apenas o recesso escolar. Ao contrário, são uma oportunidade para descansar a mente, praticar um ou mais hobbies, sair da rotina corrida e valorizar os pequenos momentos.

São uma chance para você tirar um tempo apenas para o seu companheiro e seus filhos, seja para conversar, viver experiências em conjunto ou compartilhar histórias e boas lembranças. Nesta perspectiva, as férias podem ser transformadas no momento perfeito para fortalecer e estimular os laços familiares, criar conexões e compreender mais sobre o outro.

Por essa razão, é tão importante saber aproveitá-las e, principalmente, diversificá-las. Se este ano, por exemplo, vocês fizerem uma viagem para conhecer o litoral de algum estado, relaxar com o pé na areia e desfrutar de lugares paradisíacos; no próximo, optem por ir ao campo ou à serra, para terem contato com a natureza, com os animais e com um clima bucólico bastante acolhedor — características típicas dessas regiões.

Você também pode aproveitar para visitar aqueles parentes distantes; o lugar em que nasceu; ou, ainda, um ponto turístico na sua própria cidade o qual sempre teve vontade de mostrar aos seus filhos, mas nunca teve a chance.

Seguindo nossas dicas, você vai encontrar um equilíbrio adequado para ajudá-la a conciliar trabalho e família e, também, para auxiliá-la a otimizar seu tempo, definir seus objetivos, valorizar os momentos com os filhos e não se sobrecarregar com os afazeres diários. Por isso, não deixe de colocá-las em prática!

E se você tem outras sugestões sobre o assunto, compartilhe-as com a gente deixando um comentário abaixo. Até a próxima!

Total
25
Shares

Receba Novidades

Inscreva-se em nossa newsletter